Padre Cícero Machado

Em 18/03/2014 às 11:14h - Atualizado em 18/03/2014 às 11:19h

Tráfico Humano

Versão para impressão
Enviar por e-mail
Conheça o autor

Vendem-se corpos
- Para trabalho escravo
- Para exploração sexual
- Para extração de órgãos
- Para adoção ilegal

A Igreja no Brasil sentiu a necessidade da abordagem de uma problemática que se apresenta para o mundo todo. Hoje o mercantilismo e ganância pelo dinheiro, atingem níveis que beiram as raias da monstruosidade. Sempre tivemos noticias de tráfico de armas e de narcóticos. Sempre muito vigiados e divulgados pela imprensa mundial. As punições para tais atos variam da privação da liberdade, até a pena de amputação das mãos e morte como em alguns países da Ásia e do Oriente Médio. Percebemos aí uma preocupação ostensiva dos poderes públicos e organismos internacionais para a repressão deste ato.

Hoje, a CNBB, sai em Campanha para defender a humanidade inteira da prática que se vai instalando silenciosamente, sorrateiramente como uma serpente: o trafico de seres humanos em quatro modalidades:
1 - Para trabalho escravo; 2 - Para exploração sexual; 3 - Para extração de órgãos; 4 - Para adoção ilegal.

No primeiro caso, O TRABALHO ESCRAVO: se caracteriza como sendo qualquer trabalho que não reúna as mínimas condições de direitos do trabalhador, cerceie a liberdade, sujeite a pessoa a condições degradantes desde o constrangimento físico e/ou moral até a privação do trabalhador de firmar um contrato ou de extingui-lo conforme a sua vontade; jornadas exaustivas, fome e sede, endividamento do trabalhador pelo próprio patrão. Tudo isso junto ou separadamente caracteriza, em última analise condições de verdadeira escravidão. Nesta modalidade a maioria dos traficados são homens (95,3), com incidência de crianças e adolescentes.

No segundo caso, A EXPLORAÇÃO SEXUAL: o que vai caracteriza-lo será a pornografia do turismo, do entretenimento, da indústria do sexo. Os principais meios que configuram também esta modalidade são: ameaça, engano, uso da força, rapto, abuso de autoridade, aceitação de pagamentos ou benefícios para obter o consentimento de uma pessoa que tenha autoridade sobre a outra. 80% dos traficados nesta modalidade são mulheres com incidência de crianças e adolescentes.

No terceiro caso, A EXTRAÇÃO DE ÓRGÃOS: envolve a coleta e extração de órgãos de doadores contra a própria vontade (roubo do órgão), ou venda dos próprios órgãos pelas próprias vitimas em circunstancias eticamente questionáveis. A cena do crime requer: Um doador raptado, ou que tenha vendido seu órgão, um receptor, um médico especializado e uma sala de operações. Modalidade tentadora para o criminoso por ser altamente lucrativa: 4,5 milhões de dólares para 30 órgãos apenas em 2012. É possível que em alguns casos o médico e o receptor não tenham informação da procedência do órgão.

No quarto caso, A ADOÇÃO ILEGAL DE CRIANÇAS  E ADOLESCENTES: o Papa Francisco o caracteriza como sendo um dos dramas existenciais mais importantes do nosso tempo. Nele podem se enquadrar todas as outras modalidades acima citadas: são alistadas no Brasil 866 mil crianças no mundo do trabalho, tais como: trabalho forçado e escravo, produção de narcóticos e vendas dos mesmos, trabalhos altamente perigosos como corte de cana; tráfico internacional para pornografia e exploração sexual; venda de órgãos com consentimento dos seus responsáveis.

Tendo detectado o problema, a Igreja nesta campanha da fraternidade 2014, espera em âmbito mais abrangente criar uma conscientização tal que todos possam se irmanar na defesa dos direitos humanos, denunciar a violação da dignidade e da liberdade... Em vista ao resgate da vida dos filhos e filhas de Deus. E de forma mais específica identificar as causas, denunciar as estruturas que as possibilitam; promover o enfrentamento da questão; reivindicar politicas públicas eficazes no combate às causas, promover a prevenção; suscitar a conversão à luz da Palavra de Deus; Celebrar no mistério de Cristo.

O primeiro passo é nos unirmos para a conscientização através da participação nos grupos de reflexão da CF'14 e detecção do mal para saná-lo.

Pe. Cícero Machado, MSC
Fonte de dados Manual da CF'14


Autor: Padre Cícero Machado


Tags relacionadas: Paróquia São Paulo, Pe. Cícero Machado Ribeiro, MSC

Fotos

Rua Dr Afonso Canedo, 47 Muriaé - MG, 36880-000 - 32 3722-2363 | Todos os direitos reservados a Paroquia São Paulo

Todos os direitos reservados a